Escapadinha romântica

Vem fazer uma escapadinha romântica a Metz e deseja animar a sua estadia com uma saída diferente? No verão ou no inverno, dentro de um edifício ou ao ar livre, terá sempre algo para fazer.

Passeio de barco: Solis, GD Vacances ou Nautic Boat

Deseja uma pequena saída romântica com os pés na água? Então, pode fazer-se ao largo! Os vários barcos movidos a energia solar que navegam o Moselle (com partidas na marina ou na Moyen-Pont) ajudam-o a descobrir o património dos arredores do centro da cidade (a catedral, Teatro, Temple Neuf...) e as áreas naturais que o envolvem. Com um pequeno-almoço no nascer do sol, um piquenique durante a tarde ou um aperitivo no pôr do sol, estes passeios de uma ou duas horas vão certamente conquistá-lo.

A reserva prévia é obrigatória, dentro do limite de lugares disponíveis.

E fazer um passeio de barco? Parece-lhe bem?

Já todos sabemos que os apaixonados gostam de estar sozinhos e é por isto mesmo que o tempo passado no barco sabe tão bem! Vista a farda do capitão e controle o leme de um pequeno barco ou de uma gaivota, navegue para onde desejar, siga o seu coração. Ao chegar ao centro da cidade, irá encontrar o Jardins des Amours atrás do Temple Neuf, e a Opéra-Théâtre que todos os anos apresenta vários dramas românticos e finais felizes.

Os cisnes, que parecem saídos de um conto de fadas, estão sempre por perto para completarem esta imagem idílica.

Passeio ao longo do canal até ao jardim botânico

Para os que gostam de passear, os apaixonados que adoram caminhar ao longo dos cais, ao ritmo das ondas e do barulho do vento nas árvores, não há nada como um passeio no canal. Começando pelo centro da cidade irá passar pela marina e pelo lago e depois pelo canal de Jouy em direção ao jardim botânico. Este ambiente de natureza, de lagos, árvores distintas, a sua estufa e viveiro são perfeitos para um grande passeio com uma pequena paragem para um piquenique na relva.

Pensa regressar a Metz pelo canal ao fim da tarde? Este é o caminho ideal para ver o pôr do sol. Garantimos-lhe fotos românticas! 

O jardim botânico está aberto todos os dias até ao cair da noite. Também pode chegar até ele de autocarro de ou bicicleta.

Saber mais sobre o jardim botânico

Passeio das muralhas e as tascas dos Frigos Ardents

Durante a Idade Média, Metz foi uma cidade fortificada com poderosas muralhas. Hoje em dia, estas convidam-nos a fazer um passeio rupestre ao sabor do vento. No lado de Moselle, tem uma vista imponente para a catedral e a Ile de la Comédie [Ilha da Comédia]. No lado de Seille, encontram-se as torres de defesa, no meio de uma paisagem mais selvagem. O seu passeio acaba na Porte des Allemands [Porta dos Alemães], a antiga entrada da cidade que parece um forte e que acolhe diversas exposições gratuitas disponíveis durante todo o ano.

Durante a primavera e o verão, os Frigos Ardents (por detrás da Porte des Allemands) recebem-no com um copo de vinho de Moselle que pode ser tomado a sós. Estas pequenas tascas cheias de cultura situadas nos antigos armazéns militares da cidade oferecem-lhe, além de um programa de atividades diversificado, uma restauração à base de produtos locais e da estação. A noite acabou de começar!

À noite na Opéra-Théâtre

Cadeiras de veludo vermelho, teto com estuques dourados, camarotes laterais para ver e serem admirados, cortinas que deslizam no palco no momento de abertura...Estas palavras soam-lhe bem? A Opéra-Théâtre de Metz-Métropole irá conquistar o seu coração.

Construída no século XVIII com Pierre de Jaumon, é a sala mais antiga de França que ainda está em atividade. A sua sala tradicional ao estilo italiano é o enquadramento perfeito para uma noite romântica, para viver um verdadeiro momento de cultura. A sua rica e diversificada programação, que ocorre de outubro a junho, é constituída por teatro, dança, ópera e canto lírico.

E depois do espetáculo porque não ir a um dos vários restaurantes que estão a poucos passos de distância, no centro de Metz?

Artes da mesa e a sétima arte

A cultura também é a sétima arte! Mime-se com uma ida ao cinema no centro de Metz e depois passe num dos diversos restaurantes à sua volta. Há vários donos de restaurantes de Metz que são agrupados com a denominação “Tables de Rabelais”, este é um selo de qualidade que garante a frescura da origem dos produtos utilizados. Esta é também uma maneira de prestar homenagem a François Rabelais, um reconhecido médico escritor e apreciador de comida que passava temporadas em Metz em 1546.

Consultar a lista de restaurantes “Tables de Rabelais”

No Natal: roda gigante e vinho quente

Vem na altura dos mercados de Natal? Porque não dar uma volta na roda gigante? Dentro de uma das cabines, a dezenas de metros de altura, terá a oportunidade de admirar o centro da cidade que neste momento se rende a seus pés. Ao cair da noite, a iluminação das festas de Metz dão ainda mais charme à cidade. E para se aquecer, na sua descida esperam-lhe as barraquinhas de vinho quente.

Saber mais sobre as festividades de Natal